Skip navigation

A CIDADE E O NEGATIVO

Todo lugar na cidade tem seu negativo. Pode ser um mirante no topo de um parque, pode ser uma fala de um passageiro no ônibus, pode ser um cartaz no boqueirão de uma favela, pode ser a camiseta de um estudante na universidade. Ele falta e completa.

Encontrá-lo não nos dá, automaticamente, nenhum poder sobre o espaço. Aliás, de pouco adianta tentar possuí-lo. É um objeto de cena que um deus deixou cair. Mas os deuses partiram para aquele lugar policromado com que todos sonham, depositário do sono, portanto só pode ser o próprio mundo pregando peças, como o faz desde que é e não é.

O negativo que nos faz pessoas é a dúvida. Um mundo dividido entre a resolução maníaca no mercado e a incerteza angustiante na sociedade dá pouco espaço à dúvida de fato, essa que constitui o sujeito. Assim, na cidade, um museu é, ou deve ser, uma coleção de dúvidas cristalizadas, mas não há nada em dúvida numa bolsa de valores.

Esse negativo que encontramos no armário da loja de antiguidades, ou no fim da escada do prédio, é o oposto do lugar em que está. Ele lacera as relações espaciais imediatas. E aqui estamos entre a natureza e a cultura. Prédios e espigões, asfalto e calçadas, placas e outdoors, tudo é costumeiro, e costumeiro logo leva ao natural. Esse objeto peculiar numa sala do corredor da escola, ou no banheiro na saída do cinema é uma superfície recortada daquele lugar, que pelo próprio vazio que deixa o emoldura.

O livro é uma representação primordial da cidade. E para cada um há, também, seu negativo. A escrita marca trajetos nas ruelas do mundo, do mundo que se pode pensar, do mundo em cujo céu por vezes se encontra uma estrela ofuscante que assinala estarmos no cosmos.

Anúncios

One Comment

  1. é bom separar o joio do trigo, como você bem fez, nils, mas revelar os ensaios fotográficos dessa nossa odisséia.

    aquelabraço


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: